Menor tempo para memorizar as cartas de um baralho embaralhado (Speed cards)

Com um minuto e 30 segundos, recorde pertence ao funcionário público Jackson Rodrigo Lunkes

02/10/2020
3896 Acessos
Imprimir
Menor tempo para memorizar as cartas de um baralho embaralhado (Speed cards)
Jackson Rodrigo Lunkes memorizou um baralho embaralhado em um minuto e 30 segundos, fazendo o ‘recall’ em quatro minutos / Foto: Arquivo recordista
O auditor-fiscal da Receita Federal do Brasil, Jackson Rodrigo Lunkes quebra recorde junto ao RankBrasil pelo Menor tempo para memorizar as cartas de um baralho embaralhado (Speed cards). Ele memorizou as 52 cartas de um baralho no tempo de um minuto e 30 segundos, fazendo o ‘recall’ em quatro minutos. O desafio aconteceu em 2 de outubro de 2020.

De acordo com o recordista, a ideia de memorizar cartas de baralho surgiu em 2019, com a leitura do livro ‘Você pode ter uma memória incrível: Técnicas e Dicas do Mestre de Memorização Para Transformar sua Vida’, do autor Dominic O´brien.

“Este autor afirma que treinar a memória através da memorização de baralho de cartas é um dos exercícios mais eficientes – e com benefícios para toda a vida quando se fala em saúde da mente e da memória”, comenta. Segundo Jackson, este tipo de treinamento ainda traz benefícios em relação a foco e concentração.

O funcionário público explica que a dificuldade do ‘Speed cards’ é chegar a um equilíbrio entre velocidade e acuracidade (qualidade da imagem). “Outros obstáculos são a criação de uma imagem memorável no tempo disponível e a fixação desta imagem na memória. Também é preciso ter o domínio do sistema mnemônico que se está utilizando”, destaca.

Natural da cidade de São Paulo das Missões (RS), o recordista atualmente tem 35 anos de idade e reside em São Paulo (SP). Ele é formado nos cursos de Filosofia e Direito, e antes de ser funcionário público lecionava os idiomas inglês, espanhol e alemão.

Conforme Jackson, seu interesse pela arte de memorização teve inicio em 2005 na faculdade de Filosofia, quando precisava memorizar um grande número de datas, fatos, nomes de pessoas e teorias. “Somente em 2019, com a leitura de vários livros sobre o tema, que surgiu o interesse pelo chamado ‘Memory sports’, que é a memorização como esporte. Hoje esse é meu hobby”.

O recordista treina periodicamente diversas categorias de memorização, entre números, imagens, nomes de pessoas e baralho. De acordo com ele, a prática e o treino da memória como um esporte pode revolucionar a forma como uma pessoa aprende, estuda e guarda conhecimento. “Além disso, praticar a memorização como um esporte pode ser muito divertido e desafiador”, afirma.

O funcionário público comenta que o recorde junto ao RankBrasil é a realização de uma conquista e o reconhecimento de um grande esforço e estudo. “Continuarei treinando para que em breve possa registrar outros recordes. “A ideia é chegar sempre mais próximo do recorde mundial nessa categoria”, diz.

Pelo recorde brasileiro, ele agradece à sua amada esposa Carolina e à filha Ana Clara, pela paciência e apoio incondicionais. “Também gostaria de agradecer à Denise e Paulo Rovina (detentor da maior memória que conheço – sempre me desafiando) pela compreensão e amizade.


Speed cards
Esta categoria de memorização é chamada internacionalmente de ‘Speed cards’. Para valer como recorde é necessário que se memorize o baralho em no máximo cinco minutos e que o ‘recall’ também seja feito em no máximo cinco minutos.

RECORDE SUPERADO

RecordistaCidade/EstadoTempo de MemorizaçãoTempo de 'Recall'Mês/Ano
Jackson Rodrigo LunkesSão Paulo (SP)1min 30s4minOutubro/2020
Cayro LédaSão Luís (MA)4min 20s4min 34sJunho/2020