Baixista mais rápido do Brasil

Com profundo conhecimento musical, muita agilidade e técnica, Ederson Prado entra para o RankBrasil

24/04/2009
33387 Acessos
Imprimir
Baixista mais rápido do Brasil
Foto: Arquivo pessoal - Ederson Prado
Ederson Prado, da cidade de São Paulo - SP, entra para o RankBrasil com o título de Baixista mais rápido do país. Conquistado em 2008, o recorde não foi simplesmente uma prova de conhecimento musical, mas acima de tudo de agilidade e técnica.

O recordista, que atingiu a marca de 300 bpm (batidas por minuto) em semicolcheia, é considerado um dos melhores no mundo do contrabaixo elétrico, tanto no Pizzicato, quanto no Tapping.

Ele começou a se interessar por música aos 13 anos de idade, após ouvir discos do ´Iron Maiden´ e ´Kiss´. A princípio, demonstrou interesse em tocar guitarra, porém, após seis meses de aula de teoria musical, ganhou seu primeiro baixo.

No ano de 2000, formou sua primeira banda de rock, chamada ´Allienatyon´, onde tocava músicas covers de bandas de ´Death Metal´.

Logo começou a se interessar pelo metal progressivo e música instrumental, tocando em várias bandas de diversos estilos, entre eles, pop, rock, música clássica e fusion.

Em 2006, após uma seleção nacional de baixistas, ingressou na banda ´Burning in Hell´, onde teve seu segundo álbum ´Believe´ lançado no Japão e eleito pela revista Burnn como um dos trinta melhores álbuns de metal melódico dos últimos 20 anos.

No mesmo ano, o recordista começou a ministrar workshops e master classes pelo Brasil, viajando por todo o país.

Em 2008, além de entrar para o RankBrasil, o recordista também ingressou no Della Vega Project, de Tiago Della Vega, eleito pelo Guinness Book como o guitarrista mais rápido do mundo, juntamente com Danilo Mendes, tecladista mais rápido do Brasil, pelo Livro dos Recordes Brasileiros.

Atualmente, Ederson Prado está em fase de composição do seu primeiro álbum solo.

Técnicas utilizadas
>Pizzicato: modo de tocar instrumentos de corda, utilizando os dedos como uma pinça. É muito utilizado no jazz.

>Tapping: técnica utilizada principalmente em guitarra elétrica, mas em outros instrumentos de corda, como baixo e violão. Utiliza-se uma ou duas mãos para ´martelar´ as notas na escala, adquirindo grande velocidade.


Redação: RankBrasil
Revisão: Fátima Pires

Algumas citações na mídia:
Acemprol