Maior parte da população mundial se parecerá com brasileiros

Pesquisa revela que em alguns séculos a miscigenação vai tornar o ser humano médio, com aparência classificada como ‘brasileira’

20/09/2012
9178 Acessos
Imprimir
Maior parte da população mundial se parecerá com brasileiros
A maior parte da população mundial se parecerá com brasileiros em alguns séculos. A informação vem de uma pesquisa realizada pelo professor de ecologia e evolução biológica dos Estados Unidos, Stephen Stearns.

De acordo com o especialista, jamais haverá homogeneidade entre todos os povos do mundo, mas a perspectiva é de que a miscigenação – processo que ocorre em todo planeta, seja em maior ou menor escala – torne o ser humano médio.

A tendência é uma mistura de africanos, nativos do continente americano e europeus, com uma predominância parda e poucas pessoas de pele muito clara ou muito escura. Esta aparência, conforme a pesquisa, foi classificada como ‘brasileira’.

Na história dos relacionamentos humanos, a regra sempre foi que populações locais ou vivendo próximas casassem entre si e gerassem descendentes, proporcionando pessoas com traços muito parecidos, identificadas como grupos étnicos específicos.

Stephen Stearns explica que a miscigenação acontece quando pessoas se relacionam com outras que não pertencem ao mesmo grupo ancestral. Entre os responsáveis por este processo estão a globalização, imigração, difusão cultural e facilidade de viagens até para outros continentes.

Segundo ele, antes da invenção da bicicleta, a distância média, na Inglaterra, entre o local de nascimento de um homem e uma mulher que formavam um casal era de aproximadamente 1,6km. Durante a metade do século 19, a partir do invento, passou para 48km.

Com a criação de outros meios de locomoção, esta distância só vem aumentando, homogeneizando gradualmente a população humana. A conclusão da pesquisa foi publicada no site Business Insider e pode ser conferida em inglês, clicando aqui.


Redação: Fátima Pires