Dia da Árvore deve ser comemorado em respeito à natureza

RankBrasil celebra a data destacando recordes importantes em prol do meio ambiente, como o reflorestamento

21/09/2012
5551 Acessos
Imprimir
Dia da Árvore deve ser comemorado em respeito à natureza
O Dia da Árvore é comemorado nesta sexta-feira. O 21 de setembro foi escolhido em razão da chegada da primavera e deve ser lembrado em respeito à natureza.

Para celebrar a data, o RankBrasil destaca recordes importantes em prol do meio ambiente, entre eles, o maior plantio de árvores em menor tempo, com 65 mil mudas plantadas em menos de 24 minutos.

Outras marcas que o RankBrasil faz questão de lembrar são de mais rápido reflorestamento no mesmo local, com mil árvores plantadas em menos de 16 segundos; maior plantio de árvores simultâneo, com 2.094 mudas; e maior plantio de árvores da espécie Paricá, com um total de 16 milhões.

Importância das árvores
A árvore é o maior símbolo da natureza e essencial para a vida humana: proporciona sombra para o descanso, frutos para a alimentação, mantém a umidade do ar, diminui a poluição, forma barreiras contra o vento, impede a erosão, além de fornecer várias matérias-primas.

A data
O Dia da Árvore foi instituído em todo território nacional, em 24 de fevereiro de 1965, através de Decreto Federal. A data marca um novo ciclo para o meio ambiente, uma vez que a primavera é responsável pelo grande aparecimento das flores. O dia também é um momento de reflexão para o ser humano sobre a necessidade de preservação das espécies, muitas ameaçadas de extinção.

Árvores de destaque no Brasil
A mais antiga árvore do Brasil, com mais de três mil anos, é um jequitibá-rosa, localizado no Parque Estadual de Vassununga, em Santa Rita do Passo Quadro – SP. Já o maior cajueiro, de Pirangi, que ocupa uma área de 8.400 m², fica em Rota do Sol – RN.

Redação: Fátima Pires