Maior pêndulo humano

Desafio idealizado por Alan Ferreira Mahseregian reúne 245 pessoas e quebra recorde brasileiro

14/08/2019
7801 Acessos
Imprimir
Maior pêndulo humano
Recorde de Maior pêndulo humano foi conquistado na ponte estaiada de Hortolândia (SP), por 149 pessoas praticantes de rope jumping / Foto: Arquivo recordista
Um grupo com 245 pessoas praticantes de rope jumping quebrou o recorde junto ao RankBrasil em 2019 de Maior pêndulo humano. Novamente idealizado por Alan Ferreira Mahseregian, o desafio aconteceu em 22 de outubro de 2017, na ponte estaiada de Hortolândia (SP), que tem em média 28 metros de altura.

A ação teve a autorização da Prefeitura Municipal de Hortolândia e desta vez reuniu integrantes de todo o Brasil e também do exterior. “Utilizamos toda a extensão da ponte, possibilitando a participação de mais pessoas”, comenta Alan.

Segundo e o idealizador, que é microempresário em São Paulo (SP) e tem mais de 20 anos de experiência em esportes radicais, essa ponte foi escolhida por oferecer condições perfeitas para a execução das ancoragens, possuir altura e largura ideais, não ter pilares e contar com dois vãos livres de 100 metros.

Ele diz que o projeto foi baseado no primeiro recorde – quando reuniu 149 pessoas – mas teve algumas alterações necessárias. “Tivemos que aprimorar o toque da buzina. Utilizamos um compressor com ar comprimido com 10 buzinas conectadas, para que todos escutassem o momento da largada e saltassem ao mesmo tempo”.

O recordista lembra que estava chuviscando no dia do desafio. “Isso atrapalhou porque as cordas molhadas pesam mais. Por outro lado, caso o sol estivesse muito quente, poderia haver muitas desistências pelo tempo que demorou a ação, entre as pessoas se equiparem e saltarem”.

Devido à chuva e o grande número de participantes, a montagem levou mais de 30 horas até o momento do salto. “Realizamos novamente este desafio pelo sucesso do recorde anterior, trazendo alegria e repercussão para a cidade de Hortolândia: agora sua ponte estaiada é reconhecida como a ponte do recorde do rope jump”, destaca.

Alan tem conhecimento em técnicas de resgate, rapel, rope jump, tirolesa, cabo aéreo e conta com certificado do NR 35 (segurança em trabalho em altura). Com toda esta experiência, ele explica que a segurança dos participantes foi executada com o máximo de cautela e rigor.

“Criei cinco dispositivos de segurança e qualquer rompimento de uma corda teria mais quatro mecanismos disponíveis”. Conforme ele, a cada participante foi conectada uma corda com mais de dois mil quilos e duas fitas nas laterais de seu parceiro, evitando qualquer colisão na hora do salto. Ainda pensando na segurança, o grupo teve o apoio de uma equipe especializada em resgates, coletes e botes salva-vidas, bóias e cordas de segurança na parte de baixo da ponte.

De acordo com o idealizador, realizar novamente o pêndulo humano em Hortolândia foi ainda mais incrível. “É difícil colocar em palavras tanta emoção que esta superação de recorde proporcionou. Com certeza é uma alegria e satisfação para todos que contribuíram”, finaliza.


Recorde Superado:

IdealizadorCidade de realização / EstadoNúmero de participantesAno
Alan Ferreira MahseregianHortolandia / SP2452019
Alan Ferreira MahseregianHortolandia / SP1492017