Maior mapeamento de deslocamento pessoal para fins históricos

Com mais de 415 mil quilômetros registrados, Artur Zen supera o próprio recorde brasileiro

13/05/2019
10759 Acessos
Imprimir
Maior mapeamento de deslocamento pessoal para fins históricos
Com 418.245 quilômetros registrados, o engenheiro Artur Zen supera o próprio recorde junto ao RankBrasil / Foto: Arquivo recordista
O engenheiro paulista Artur Zen quebra o próprio recorde junto ao RankBrasil em 2019 de Maior mapeamento de deslocamento pessoal para fins históricos. O projeto começou em 23 de abril de 2009 e até 22 de abril de 2019 ele já havia registrado 418.245 quilômetros, com mais de 10 mil horas percorridas.

Utilizando um smartphone com receptor GPS, 24 horas por dia, ele arquiva todos os caminhos que percorre. Já foram 27.155 tracks (registros de deslocamento). Desde o início, para realizar as coletas no equipamento, o recordista utiliza o aplicativo Sports Tracker.

De acordo com Artur, a ideia de mapear o deslocamento pessoal surgiu como uma forma de conciliar os interesses por História, Genealogia, Geografia e Tecnologias diversas. “A partir do momento em que consegui sobrepor as informações coletadas num mapa juntamente com outros dados, entre imagens, áudios, documentos e anotações, percebi o grande potencial na criação de um ‘Diário Geográfico’, que permitisse analisar de forma isolada ou agrupada todas essas informações”, diz.

O engenheiro comenta que o objetivo deste projeto é demonstrar de forma prática e fácil a possibilidade da criação de registros históricos fazendo uso de tecnologias disponíveis e acessíveis por qualquer pessoa. “A ideia é mostrar que as informações dos indivíduos, famílias e pessoas com quem convivemos ao longo da vida são importantes para a formação e manutenção da nossa história”.

Residente em Campinas (SP), ele acredita que o mapeamento histórico pode virar tendência, “no sentido de trazer mais possibilidades de análises ou estudos das informações cotidianas de um indivíduo, familiares e da sociedade numa época em particular”. Artur pretende mapear o seu deslocamento num período de 40 anos. “Em 23 de abril de 2019 o projeto completou 10 anos de coletas ininterruptas”, comemora.

Artur destaca que o trabalho do RankBrasil tem muita credibilidade e é reconhecido pelo seu papel na preservação da história dos brasileiros e seus feitos. “De certa forma o RankBrasil ajudou a traçar uma das metas do projeto que é a divulgação e regularidade das coletas. Pretendo a cada cinco anos submeter novamente o recorde e superar a marca anterior. Sou muito grato pela oportunidade de fazer parte novamente da história do RankBrasil”.
O recordista é graduado em Engenharia Elétrica, pós-graduado em Geoinformática (Geoprocessamento) e Engenharia de Software. Também possui MBA em Gestão Empresarial. As informações sobre seu projeto de mapeamento de deslocamento pessoal podem ser encontradas no site Geogenealogia.info.

Maior tempo de uso ininterrupto de GPS
Artur também superou o próprio recorde junto ao RankBrasil em 2019 de Maior tempo de uso ininterrupto de GPS em um único equipamento. Já são 87 mil horas com o equipamento ligado e 10.168 horas de deslocamento registrado.


RecordistaCidade/EstadoTrackstempoQuilômetrosAno
Artur ZenCampinas (SP)27.15510.168 h418.2452019
Artur ZenCampinas (SP)13.9146.476 h249.4242014