Primeira enfermeira do país

Pioneira na área, a brasileira trabalhou como voluntária na Guerra do Paraguai, nos hospitais militares e na frente de operações

17/02/2013
13183 Acessos
Imprimir
Primeira enfermeira do país
Anna Nery trabalhou como voluntária na Guerra do Paraguai - Imagem: divulgação
Anna Justina Ferreira Nery entra para o RankBrasil em 2013 por ter sido a Primeira enfermeira do país. Ela nasceu em 13 de dezembro de 1814, na então Vila da Cachoeira do Paraguassu, na Bahia.

Já viúva e inconformada com a convocação dos três filhos e do irmão à Guerra do Paraguai, que aconteceu entre os anos de 1864 e 1870, Anna conseguiu o direito de acompanhá-los.

Assim, trabalhou dias e noites como voluntária de Enfermagem, nos hospitais militares e na frente de operações. Com recursos financeiros pessoais que herdou da família, montou na capital paraguaia – que estava ocupada pelo Exército brasileiro – uma enfermaria modelo.

Na guerra, a recordista perdeu um dos filhos. Ao voltar para o Brasil, foi recebida com diversas homenagens, entre elas, ganhou a Medalha Geral de Campanha e a Medalha Humanitária de Primeira Classe, concedidas pelo Império.

Anna também recebeu uma pensão vitalícia com a qual educou quatro órfãos que adotou no Paraguai. A pioneira faleceu em 20 de maio de 1880, aos 66 anos. Seu corpo está sepultado no cemitério de São Francisco Xavier, no Rio de Janeiro.

Homenagens
Em homenagem a Anna Nery, o médico Carlos Chagas batizou com seu nome a primeira escola oficial brasileira de Enfermagem de alto padrão, fundada em 1926. Já o pintor Vitor Meireles produziu seu retrato em tamanho natural, que foi exposto na sede da Cruz Vermelha Brasileira.

No ano de 1938, Getúlio Vargas assinou um decreto que instituía o Dia do Enfermeiro, a ser celebrado em 12 de maio. Nesta data, deveriam ser prestadas homenagens especiais à memória de Anna Nery, em todos os hospitais e escolas de Enfermagem do País.

Por fazer história como precursora da Enfermagem no país e uma das heroínas da Guerra do Paraguai, em 2009, através de um decreto, ela ainda entrou para o Livro dos Heróis da Pátria, que fica no Panteão da Pátria e da Liberdade, em Brasília – DF.

Primeira do mundo
A enfermeira britânica Florence Nightingale foi a pioneira mundial no tratamento a feridos, durante a Guerra da Crimeia, que aconteceu entre 1853 e 1856, no sul da atual Ucrânia. Em 1860, ela criou sua escola de Enfermagem no Hospital St. Thomas, em Londres – a primeira escola de Enfermagem do mundo – agora parte do King’s College de Londres.


Fontes: Universidade de Brasília, Portal Terra, Wikipédia e Portal da Enfermagem
Redação: Fátima Pires