Primeira medalha olímpica do Brasil no peso médio do boxe

Atleta brasileiro obteve a prata nos Jogos de Londres, garantindo a melhor conquista do país na história do esporte nacional em Olimpíadas

13/08/2012
5428 Acessos
Imprimir
Primeira medalha olímpica do Brasil no peso médio do boxe
O pugilista Esquiva Falcão Florentino, que agora está no RankBrasil, conquistou a primeira medalha olímpica do país no peso médio do boxe (até 75kg).

Após vencer a luta que garantiu a vaga para a final, Esquiva comemorou fazendo um ‘T’ com os braços, em homenagem ao pai, de 75 anos, Adegard Câmara Florentino, que ainda é boxeador e na década de 60 ficou conhecido como Touro Moreno.

O atleta perdeu a última luta que valia a medalha de ouro, mas ficou com a prata, garantindo para o Brasil a melhor conquista do país na história do boxe olímpico.

Carreira
Esquiva nasceu na Serra – ES, em 12 de dezembro de 1989. Entre os títulos que conquistou estão o terceiro lugar no Campeonato Mundial de 2011, bronze nos Jogos Sul-Americanos de Medellín, em 2010, segundo na Copa Olímpica de 2010, primeiro no Campeonato Brasileiro de 2010, e segundo no Campeonato Pan-Americano de 2007.

Família de boxeadores
Além de ser filho de pugilista, Esquiva é irmão de Yamaguchi Falcão, que nas Olimpíadas de 2012 ganhou a primeira medalha olímpica do Brasil no meio pesado do boxe. Juntos, eles conquistaram outro recorde em Londres: de primeiros irmãos medalhistas do Brasil no boxe em uma mesma edição olímpica.


Fontes: Ministério do Esporte, Wikipédia e Confederação Brasileira de Boxe
Redação: Fátima Pires