Maior número de irmãos com nomes com a mesma inicial

Família Albuquerque entra para o Livro dos Recordes. Todos os dezesseis irmãos têm o primeiro nome começando com a letra R

17/09/2010
14481 Acessos
Imprimir
Maior número de irmãos com nomes com a mesma inicial
Os novos recordistas do RankBrasil não têm apenas em comum os pais paraibanos Severino Lopes Albuquerque (falecido aos 89 anos) e Áurea Barbosa de Albuquerque, de 83 anos. Os dezesseis irmãos que dividem o mérito possuem outra semelhança curiosa: a inicial dos nomes com a letra R.

A matriarca da família Albuquerque conta que tudo começou por uma brincadeira. “Costumava anotar os nomes bonitos que via no jornal manuscrito. Quando nasceu o primeiro filho, escolhemos Rineudo. No segundo, mudamos apenas uma consonante e ficou Rizeudo”, explica.

“Cada filho que nascia, trocávamos uma das letras”, completa Áurea, sorrindo. Segundo ela, sempre que iam para o cartório registrar um nome, brincavam. “Mais um R? E respondíamos: mais um R”, lembra.

Quando os irmãos eram crianças, o jogo de letras dos pais provocou algumas confusões na família, devido aos nomes serem extremamente semelhantes. “A gente chamava um e vinham todos. Era um rolo danado”, conta a matriarca.

A mãe Áurea, maior responsável pelo recorde, está na expectativa dos acontecimentos após a conquista. A impressão dos irmãos, é que a matriarca não tem ideia da dimensão do que é fazer parte do RankBrasil. Eles acreditam que serão um diferencial no país e um assunto para muitas pautas.

Simpatia da bananeira
A história é engraçada desde o começo. Severino e Áurea se casaram em 1944, sem nunca ao menos trocarem uma palavra. Numa noite de São João, Áurea, então com 17 anos, fez uma simpatia, de acordo com uma crença popular. Ela enfiou uma faca virgem numa bananeira e a deixou até o dia seguinte. Quando retirou a faca, apareceu a inicial do nome do futuro marido: S.

Além disto, Áurea sonhou com uma pessoa que seria seu marido. “Dias depois, Severino foi trabalhar na fazenda onde eu morava. Quando o vi conversando com meu pai, chamei minha mãe e disse que era aquela a pessoa com quem havia sonhado”, relata. Os dois se casaram em 31 de julho de 1944 e viveram juntos 64 anos. Em 1947, da Paraíba, o casal mudou para Porecatu – PR e lá tiveram a maioria dos filhos.

Amizade e respeito
A convivência entre os irmãos sempre foi repleta de amizade e respeito. “Morávamos numa fazenda, com fartura, espaço, segurança e liberdade e fomos criados cada um com sua tarefa diária e sempre pautada de responsabilidade. Éramos felizes e não sabíamos”, concordam os irmãos. Lá eles ficaram até os mais velhos concluírem o quarto ano do primário.

Para continuarem os estudos, foram residir em Apucarana – PR. Em meados de 1967, os irmãos começaram a se separar, pela busca de trabalho. Eles seguiram caminhos diferentes e agora estão espalhados em diversas cidades do Paraná: seis moram em Curitiba e região, quatro em Mandaguari, quatro estão divididos em Sarandi, Arapongas, Londrina e Umuarama e dois faleceram.

Apesar de morarem em cidades diferentes, os irmãos ligam sempre uns para os outros, seja nos aniversários, para saber como cada um está ou mesmo para dar bom dia. Para a mãe Áurea, que atualmente mora em Curitiba, todos ligam pelo menos uma vez por semana.

Quando os irmãos se encontram, muitas vezes lembram o passado e momentos engraçados. Algumas situações proporcionam muitas risadas, especialmente se para alguns dos irmãos o assunto ainda é surpresa, depois de tantos anos.













FAMÍLIA ALBUQUERQUE
Da esquerda para a direita em pé
Reni (Ni)Rileuda (Leda)Rezilda (Tatinha)ÁUREARenilza (Dandoca)
Renilma (Miúda)Reneudo


Da esquerda para a direita sentados
Rimeudo (Cacique)Renildo (Negão)RemildoRileudo (Tatinho)
Rigeudo (Nenen)Riseude (Gordo)


Observação
Não se encontram na foto
Regilda ( Neginha) Riceudo (Tedo)


Confira abaixo a relação completa dos nomes
1. Reneudo de Albuquerque
2. Riseude de Albuquerque
3. Riveudo de Albuquerque (falecido)
4. Riceldo Lopes de Albuquerque
5. Rigeldo José Lopes
6. Rilelda Maria de Albuquerque
7. Renilda Maria de Albuquerque (falecida)
8. Reni Lopes de Albuquerque
9. Renilma Lopes de Albuquerque
10. Rimeldo Lopes de Albuquerque
11. Renilza Lopes de Albuquerque
12. Rileldo Lopes de Albuquerque
13. Renildo Lopes de Albuquerque
14. Rezilda Lopes de Albuquerque
15. Regilda Lopes de Albuquerque
16. Remildo Lopes de Albuquerque

Redação: Fátima Pires