Maior tempo em Tail Willie

Recorde pertence ao atleta Jhonatan Chaves, que realizou a manobra de skate durante 18 minutos e 12 segundos

25/04/2022
1103 Acessos
Imprimir
Maior tempo em Tail Willie
Por causa do TDAH, atleta possui um hiperfoco de só conseguir se interessar por uma coisa de cada vez e foi assim com a manobra Tail Willie / Foto: @agresteskatemagazine
O atleta de Caruaru (PE), Jhonatan Chaves entra para o RankBrasil em 2022 pelo recorde de Maior tempo em Tail Willie. No dia 28 de março, ele realizou a manobra de skate ininterruptamente durante 18 minutos e 12 segundos. O desafio aconteceu na Escola Municipal Professor Kermógenes Dias de Araújo.

De acordo com o pernambucano, a ideia de quebrar um recorde com o Tail Willie surgiu quando ele percebeu que de todos os seus amigos que andam de skate, somente ele conseguia fazer a manobra por bastante tempo. “O Tail Willie é muito simples: é uma manobra de equilíbrio com as duas rodinhas de trás do skate”, conta.

Jhonatan comenta que a maior dificuldade do desafio foi a tensão. “É uma manobra de equilíbrio e concentração, qualquer distração você perde o foco e cai do skate”, afirma. Para bater o recorde, o atleta se preparou durante oito meses de forma intensa com treinos todos os dias. “Trabalhei muito minha mente e meu corpo com exercícios de concentração e físicos”, lembra.

Atualmente com 19 anos de idade, o recordista anda de skate desde os 11 anos, fazendo somente a Tail Willie. “Tenho Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH), por isto possuo um hiperfoco de só conseguir me interessar por uma coisa de cada vez e foi assim com essa manobra”.

O pernambucano gosta de andar de skate porque é um esporte radical, que o desafia todos os dias. “Sempre tem alguma coisa nova para aprender. Skate não é apenas um esporte para mim, mas sim um estilo de vida: ele faz com que eu me sinta bem, alivia todo meu estresse e me dá vontade de viver e aprender algo novo”, destaca.

Segundo Jhonatan, o recorde junto ao RankBrasil significa mais que um troféu e uma medalha. “Vai muito além de um título. Soa como uma nova chance e mostra que é possível chegar onde você deseja”. O atleta afirma que isso era apenas um sonho, mas ele decidiu acreditar e colocar todas as suas forças para que acontecesse.

O skatista ainda destaca uma frase de Paulo Coelho: “Quando você quer alguma coisa, todo o universo conspira para que você realize o seu desejo”. Conforme o pernambucano é tudo uma questão de crença. “Por essa conquista sinto várias emoções ao mesmo tempo, como ansiedade e adrenalina. Meu coração bate mais forte só de pensar na grandiosidade desse recorde”. Na oportunidade, ele agradece a Rue Rage, que foi o responsável por acreditar e fazer esse sonho se concretizar.