Maior coleção de embalagens de cigarros

Célio Eisenhut é o novo recordista do RankBrasil. Ele possui atualmente 58.634 embalagens de marcas diferentes

21/02/2005
25675 Acessos
Imprimir
Maior coleção de embalagens de cigarros
Foto: Arquivo pessoal - Célio Eisenhut
Célio Eisenhut, da cidade de Jaraguá do Sul – SC, coleciona embalagens de cigarros desde 1979. Atualmente ele possui 58.634 marcas diferentes.

Na época em que começou a colecionar, o recordista havia escutado um boato da Souza Cruz, desmentido posteriormente, de que seria doada uma cadeira de rodas para quem conseguisse 500 marcas diferente.

“Comecei a juntar as marcas, mas não consegui o número solicitado e mais tarde, tudo não
passou de um simples boato. Foi assim que iniciei a coleção”, diz Célio.

A coleção
Na coleção, há marcas fabricadas no Brasil por volta de 1900, quando os cigarros eram embrulhados com fitas, ou vendidos em latinhas decoradas. Duas delas, adquiridas no museu do Tabaco de Modena na Itália, são de 1852, do Império Húngaro Austríaco. Na época, o cigarro só era consumido nos castelos, por reis e imperadores.

A maioria das carteiras é adquirida em intercâmbio com colecionadores de diversos países, espalhados em todo o mundo. São realizadas trocas, sendo enviadas e recebidas de 20 a 200 marcas por pacote.

Segundo o recordista, o número expressivo de marcas foi através de correspondências de colegas e amigos, de visitas às fábricas na Europa, e pela compra de lotes de outros colecionadores do mundo.

Célio solicita ajuda para aumentar ainda mais o acervo. As pessoas podem doar marcas que tenham conseguido em viagens ou até mesmo coleções desativadas, assim como patrocinar para expor a coleção ou até na confecção de álbuns.

Redação: Aline Cardoso - 21/02/2005/ Revisão: - jornalista Raquel Susin - 12/07/2007