Maior número de coroinhas em uma paróquia

São 692 crianças e adolescentes, que ajudam nos serviços da igreja. Recorde é da Paróquia Santuário de Santo Antônio, que fica no interior de Goiás

02/08/2012
28047 Acessos
Imprimir
Maior número de coroinhas em uma paróquia
A cidade de Santo Antônio do Descoberto, que fica no interior do Estado de Goiás, conquistou um recorde brasileiro pela quantidade de pessoas que auxilia nos serviços litúrgicos e pastorais, em uma mesma igreja.

Trata-se do maior número de coroinhas em uma paróquia do país, totalizando 692, com idade entre três e 19 anos. O título nacional, registrado em 2012 pelo RankBrasil, é da Paróquia Santuário de Santo Antônio, que é liderada pelo padre Marcelo José Vieira Júnior desde 2006.

“Procuramos incentivar a participação de coroinhas como forma de evangelização, uma vez que a função aproxima crianças e adolescentes da vida cristã”, destaca o pároco. Segundo ele, o auxílio em serviços paroquiais e nas missas proporciona uma formação religiosa, humana e cidadã bastante diferenciada.

Organizados em escala nas tarefas do dia a dia, os coroinhas são divididos em cinco categorias, entre mirins e adultos, de acordo com a idade. Em eventos especiais, eles participam todos juntos, como em retiros, passeios e missas dos padroeiros, constituindo um grande grupo cristão.

O recorde brasileiro, conforme o padre Marcelo, significa uma motivação a mais para os coroinhas da Paróquia Santuário de Santo Antônio e também um estímulo para que outras igrejas do Brasil possam fazer o mesmo, recebendo um maior número de pessoas na função.

Formação diferenciada
Moisés Carneiro da Silva, de 19 anos, é um dos coordenadores dos coroinhas, que ingressou no grupo por vontade própria, com apenas 10 anos de idade.

Ele explica que ser coroinha é uma das formas de servir a Deus e é uma função que se aprende muitas coisas, como por exemplo, ter responsabilidade, lidar com pessoas e agir corretamente em diferentes situações. “Na minha experiência, aprendi principalmente a conviver em sociedade”, destaca.

Jéssica Vieira Brito também é uma das coordenadoras do grupo. Com 19 anos, há cinco auxilia a paróquia como coroinha. Segundo a jovem, o serviço desenvolvido é muito importante na vida de crianças e adolescentes, “para ficar mais próximo de Deus, evitando as coisas ruins que o mundo oferece, entre elas, as drogas”.

Cidade recordista
Com área de aproximadamente 945km², o município de Santo Antônio do Descoberto possui cerca de 63 mil habitantes, de acordo com o Censo de 2010, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Ainda conforme dados do IBGE, a cidade possui quase 35,5 mil católicos.

Redação: Fátima Pires

Algumas citações na mídia:
Jornal Montes Claros
Jornal Brasil
Região Ipiranga


Matéria relacionada em:
G1 Goiás
G1 Goiás e TV Anhanguera