Primeiro jornal dirigido ao conhecimento científico

Com o objetivo da difusão da cultura científica no país, ‘O Patriota’ circulou no Rio de Janeiro entre janeiro de 1813 e dezembro de 1814

09/02/2013
4322 Acessos
Imprimir
Primeiro jornal dirigido ao conhecimento científico
Jornal circulou no Brasil nos anos de 1813 e 1814 - Imagem: divulgação
‘O Patriota – Jornal Litterario, Político, Mercantil, & C.’ entra para o RankBrasil por ter sido o Primeiro jornal dirigido ao conhecimento científico do país, circulando no Rio de Janeiro entre janeiro de 1813 e dezembro de 1814.

Apesar de sua curta trajetória, o periódico é considerado um marco da divulgação científica no Brasil.

Foi criado e editado pelo baiano Manuel Ferreira de Araújo Guimarães, e publicado pela Impressão Régia, atualmente Imprensa Nacional.

Em apenas 18 números, o periódico cobriu um extenso leque de assuntos científicos, desde informação sobre novos procedimentos agrícolas à botânica, medicina e eletroquímica, passando pela cobertura de outros campos relacionados à ciência.

O jornal também abordava assuntos sobre política, economia, zoologia, filosofia, cartografia, viagens, literatura, história, matemática, química, topografia, hidráulica e navegação. Ainda trouxe notável contribuição iconográfica, apresentando gravuras, quadros e tabelas.

Diferente dos jornais da atualidade, ‘O Patriota’ tinha característica de revista: circulava com uma média de 110 a 130 páginas por edição. Com financiamento de pouco mais de 160 assinantes, de início era mensal e depois passou a ser publicado duas vezes por mês.

Publicação está disponível online
Por sua importância e a pedido da Casa de Oswaldo Cruz, do Rio de Janeiro, a Biblioteca Nacional – a maior do Brasil – digitalizou todas as 18 edições do periódico, disponibilizando o acesso gratuitamente. O link com as publicações do jornal pode ser visualizado clicando aqui.


Fontes: Portal Brasil, Observatório da Língua Portuguesa e Museu da Vida/ Fiocruz
Redação: Fátima Pires