Neymar é o único brasileiro indicado ao prêmio Bola de Ouro 2012

Atacante do Santos está entre os finalistas ao prêmio da FIFA. No futebol feminino, o Brasil será representado mais uma vez pela jogadora Marta

30/10/2012
7132 Acessos
Imprimir
Neymar é o único brasileiro indicado ao prêmio Bola de Ouro 2012
O jogador do Santos e da Seleção do Brasil, Neymar, é o único brasileiro indicado para a Bola de Ouro 2012. A lista dos finalistas foi divulgada na segunda-feira (29), pela Federação Internacional de Futebol (FIFA) e a revista France Football, responsáveis pelo prêmio.

As definições de melhor jogador e de técnico do ano na categoria futebol masculino ficarão a cargo dos capitães e técnicos de todas as seleções masculinas e de representantes da imprensa internacional.

No dia 29 de novembro, serão anunciados os três finalistas de cada modalidade. O resultado final acontece em 07 de janeiro de 2013, na cerimônia de gala da Bola de Ouro, que será realizada no Kongresshaus de Zurique, na Suíça.

Entre os favoritos para o prêmio estão Cristiano Ronaldo, de Portugal, e Lionel Messi, da Argentina. A relação dos 23 jogadores classificados foi definida por especialistas do Comitê de Futebol da FIFA, juntamente com um grupo de experts da revista France Football.

O santista Neymar já havia sido indicado ao prêmio no ano de 2011, mas ficou apenas com o 10° lugar. A lista completa dos jogadores classificados para a Bola de Ouro pode ser obtida no site oficial da FIFA.

Brasileiros vencedores do prêmio
O prêmio de melhor jogador do mundo no futebol masculino já teve 14 vencedores. Um dos recordistas é Ronaldo, do Brasil, nos anos de 1996, 1997 e 2002. Ronaldinho Gaúcho também conquistou o prêmio mais de uma vez, em 2004 e 2005. Outros brasileiros que obtiveram a Bola de Ouro: Romário, em 1994, Rivaldo, em 1999 e Kaká, em 2007.

Brasileira indicada
A atacante da Seleção Brasileira, Marta, que é a maior jogadora da história do futebol feminino, foi a única mulher do Brasil indicada na Bola de Ouro 2012. Esta é a décima vez consecutiva que ela é classificada para concorrer ao prêmio, sendo eleita a melhor do mundo entre 2006 e 2010.

Redação: Fátima Pires