Google cria mecanismo que imita cérebro humano

Rede neural é capaz de aprender sozinha e identificar animais e outros itens no meio de milhões de imagens

27/06/2012
2809 Acessos
Imprimir
Google cria mecanismo que imita cérebro humano
O Google, que é o maior site de buscas do mundo, criou um mecanismo para simular um cérebro humano. Trata-se de um servidor neural, que conecta mil computadores com 16 mil processadores e acesso à internet.

A novidade foi divulgada ontem (26). No experimento, os pesquisadores do Google testaram as habilidades da máquina no processo de 10 milhões de capturas de telas de vídeos do YouTube.

O resultado foi surpreendente: sozinho, o computador conseguiu aprender o que são gatos e identificá-los nas mais diferentes imagens. Sem nenhum tipo de ajuda, o servidor também foi capaz de separar outros 20 mil itens distintos.

Bastante relevante no campo da inteligência artificial, a tecnologia deverá ser integrada nos sistemas de indexação do site de pesquisa da empresa e em serviços de tradução e reconhecimento de voz.

De acordo com informações do Google, a rede neural criada é tão potente que até o final da próxima década será possível replicar um córtex visual de seres humanos, que é a parte do cérebro que possibilita o exercício da memória da visão.

O mecanismo inovador e outros projetos secretos da empresa são desenvolvidos em Mountain View, na Califórnia, EUA, em um laboratório de pesquisa chamado Google X. Entre os trabalhos realizados no local também estão os óculos de realidade aumentada e o carro sem motorista.


Redação: Fátima Pires