Recordista Nelson Biasoli morre aos 83 anos

Acordeonista e compositor fez sucesso com hinos de municípios e também com o grito ‘Eu sou brasileiro com muito orgulho, com muito amor’

17/09/2014
4144 Acessos
Imprimir
Recordista Nelson Biasoli morre aos 83 anos
Biasoli obteve o recorde junto ao RankBrasil de Maior número de composições de hinos heráldicos - Foto: Arquivo do recordista
O recordista do RankBrasil, Nelson Biasoli, morreu às 7h desta quarta-feira (17), aos 83 anos de idade. Com diagnóstico de insuficiência renal e pneumonia, ele estava internado há 21 dias na Santa Casa de Ribeirão Preto (SP). O enterro será nesta quinta-feira (18), em Tambaú (SP), sua cidade natal.

Em 2004, Biasoli obteve o recorde junto ao RankBrasil de Maior número de composições de hinos heráldicos (sobre brasões de cidades), com 85. No ano de 2005 superou a própria marca compondo outros 15 hinos e em 2007 ultrapassou novamente seu recorde totalizando 110 composições.

Apaixonado por suas obras, em entrevista na época do seu último registro de recorde, ele disse sempre tentar reproduzir a mais pura realidade em suas composições e que sentia muito orgulho e muita emoção ao ver alguém cantando um de seus hinos.

O acordeonista e compositor também fez sucesso com a criação do verso ‘Eu sou brasileiro com muito orgulho, com muito amor’, cantado em coro nos eventos esportivos e da música ‘A bênção, João de Deus’, em homenagem à visita do papa João Paulo II ao Brasil em 1980. Devido à importância de suas obras, ele recebeu o título de ‘Símbolo Cultural do Século XX’.

O RankBrasil lamenta o falecimento do compositor, que além de um recordista muito criativo e talentoso, era uma pessoa bastante carismática. “A morte de Biasoli é uma grande perda para o nosso país”, comenta a diretora Iolete Cadari. “Gostaríamos de estender nossos sentimentos aos familiares”, completa.

Velório e enterro
Para as pessoas que querem prestar uma última homenagem ao compositor, o velório acontece no Memorial Calimã, em Tambaú, a partir das 16h. O enterro será realizado no mesmo local, ao meio dia de quinta-feira.

Redação: Fátima Pires