Eike Batista vende parte da EBX por US$ 2 bilhões

O homem mais rico do Brasil faz parceria estratégica com um dos maiores fundos do Oriente Médio

26/03/2012 13:00:00
3639 Acessos
Imprimir
Eike Batista vende parte da EBX por US$ 2 bilhões
Eike Batista vendeu parte da empresa EBX para o Mubadala Development, de Abu Dhabi, nos Emirados Árabes, um dos maiores fundos do Oriente Médio.

De acordo com nota divulgada pela EBX nesta segunda-feira (26), o Mubadala fará um investimento inicial de US$ 2 bilhões, cerca de R$ 3,64 bilhões, em troca de uma participação acionária de 5,63%.

O negócio inclui participação indireta do fundo estrangeiro tanto nas empresas de Eike de capital aberto, como nas de capital fechado, além das futuras oportunidades de investimento do grupo EBX.

Os recursos provenientes da Mubadala serão usados para reforçar a estrutura de capital do grupo EBX, além de suportar o desenvolvimento de novos negócios em diversos segmentos. A parceria também cria uma colaboração adicional entre as duas organizações, em áreas de interesse mútuo.

Na nota, Eike Batista diz estar muito satisfeito em receber a Mubadala no país, operação que é um marco. “É o primeiro investimento significativo direto da Mubadala no Brasil”, destaca. “Esta operação fortalece o relacionamento não apenas entre os dois grupos, mas também entre os dois países”, completa.

Bilionário brasileiro
Eike Batista é o homem mais rico do Brasil e o sétimo mais rico do mundo, de acordo com ranking da revista norte-americana Forbes. O patrimônio do empresário é estimado em US$ 30 bilhões (cerca de R$ 52,6 bilhões).

Redação: Fátima Pires