Jogador com maior número de partidas na Libertadores

Paranaense conquistou o recorde ao disputar seu 82° jogo, superando a marca do ex-goleiro Manga, que competiu em 73 partidas

12/02/2014
17237 Acessos
Imprimir
Jogador com maior número de partidas na Libertadores
Imagem: divulgação
Rogério Mücke Ceni entra para o RankBrasil em 2013 por ser o Jogador brasileiro com maior número de partidas na Taça Libertadores da América. De 2004 até maio de 2013, disputou 82 jogos pelo campeonato.

Aos 41 anos de idade, o ídolo do São Paulo, que joga com a camisa 1, superou a marca do lendário Haílton Corrêa de Arruda, mais conhecido como Manga. Um dos maiores goleiros da história do futebol brasileiro, Manga disputou 73 partidas na competição, entre os anos de 1963 e 1977, vestindo as camisas do Botafogo, Nacional – do Uruguai – e Internacional.

O novo recordista nasceu em 22 de janeiro de 1973, em Pato Branco – PR. Revelado em 1990, pelo Sinop Futebol Clube, do Mato Grosso, foi contratado pelo São Paulo no mesmo ano, equipe da qual é titular desde 1997. Ele jogou a Copa Libertadores pela primeira vez em 2004 e até 14 de fevereiro de 2013 já tinha disputado 75 jogos, totalizando 65,33% de aproveitamento.

Pela Seleção Brasileira, o goleiro não obteve grande expressividade, mas com reserva integrou o grupo no título de pentacampeão, na Copa da Coreia e Japão, em 2002, e participou do time que atuou no Mundial da Alemanha, no ano de 2006.


Maior goleiro-artilheiro
Rogério Ceni também recebe destaque por ser o maior goleiro-artilheiro na história do futebol mundial. Conforme dados do São Paulo Futebol Clube, até fevereiro de 2014, o jogador já colecionava 114 gols em sua carreira, entre cobranças de falta e de pênalti.

Reconhecimento
Por sua atuação, o goleiro ganhou seis vezes o ‘Bola de Prata’ – premiação feita pela revista Placar, para os melhores jogadores de cada posição no Campeonato Brasileiro. Ele ainda recebeu duas vezes o ‘Troféu de Ouro’, concedido pela Confederação Brasileira de Futebol, para o melhor goleiro do Brasileirão.

Internacionalmente, Ceni entrou três vezes na lista dos dez melhores goleiros do mundo, que é elaborada anualmente pela Federação Internacional de História e Estatística do Futebol, entidade ligada à FIFA. Em 2005, o brasileiro ficou em nono lugar, em 2006, na sexta colocação, e em 2007, na quinta posição.

Títulos de Ceni
Campeonato Mato-grossense (1990), Copa Conmebol (1994), Copa das Confederações (1997), Paulista (1998, 2000 e 2005), Rio – São Paulo (2001), Supercampeonato Paulista (2002), Copa do Mundo (2002), Libertadores (1993 e 2005), Mundial de Clubes (1993 e 2005) e Brasileiro (2006, 2007 e 2008).

Slogan
A dedicação e profissionalismo com que o recordista sempre atuou no São Paulo Futebol Clube e o carisma que ele possui junto à torcida tricolor foram determinantes para que o jogador recebesse o slogan ‘Todos têm goleiros, só nós temos Rogério Ceni’.

Maior recordista da Libertadores
O jogador com maior número de partidas na Taça Libertadores da América – considerando todos os países que competem no torneio – é o uruguaio Ever Hugo Almeida. Ele disputou 113 jogos, entre os anos de 1973 e 1990, pelo Olimpia, do Paraguai.

Fontes: Globo Esporte, IG Esporte, São Paulo Futebol Clube e Wikipédia
Redação: Fátima Pires