Primeira mulher a presidir uma petrolífera

Em fevereiro de 2012 a recordista fez história ao assumir a presidência da Petrobras. Na infância, ela foi catadora de papel, garrafas e latas para ajudar a família e comprar material escolar

12/09/2012
5260 Acessos
Imprimir
Primeira mulher a presidir uma petrolífera
Graça Foster fez história ao assumir a presidência da Petrobras - Imagem: Cecilia Acioli/Folhapress
A engenheira Maria das Graças Silva Foster, mais conhecida como Graça Foster, foi a Primeira mulher a presidir uma petrolífera. Em 13 de fevereiro de 2012, ela assumiu a presidência da Petrobras, potência mundial no setor.

A recordista nasceu em 26 de agosto de 1953, em Caratinga – MG e fez carreira na companhia. Ela entrou como estagiária em 1978, aos 24 anos e seu primeiro cargo como funcionária foi de engenheira de perfuração.

Entre os anos de 2003 e 2005, a recordista foi secretária de Petróleo e Gás do Ministério de Minas e Energia. De setembro de 2007 até assumir a presidência, estava na diretoria de Gás e Energia da Petrobras.

Amiga da presidente do Brasil, Dilma Rousseff, Graça Foster é conhecida pelo perfil austero, com personalidade séria e firme. Entre as qualidades apontadas por sua equipe estão o conhecimento técnico e o perfeccionismo. Ela também é avaliada como competente e rígida nas negociações.



Currículo
A presidente da Petrobras é formada em Engenharia Química pela Universidade Federal Fluminense (UFF), tem mestrado em Engenharia Química e pós-graduação em Engenharia Nuclear, pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (COPPE/UFRJ), e MBA em Economia, pela Fundação Getúlio Vargas (FGV/RJ).

História de vida
Aos dois anos de idade, a recordista se mudou de Minas Gerais para o Rio de Janeiro e até os 12 morou no Morro do Adeus, no Complexo do Alemão, comunidade pobre conhecida pela violência até ser pacificada em 2010.

Aos oito anos, ela começou a trabalhar como catadora de papel, garrafas e latas para ajudar a família e para comprar material escolar. Atualmente, a presidente da Petrobras é casada, tem dois filhos e uma neta.

“Convivi com violência doméstica na infância e enfrentei dificuldades na vida. Sempre trabalhei para ajudar no sustento da minha mãe e dos meus filhos e para pagar meus estudos. Garra para mim é tudo. Nunca tive medo de trabalho”, disse Graça Foster, em uma entrevista ao jornal O Globo.

10 últimos presidentes da Petrobras
nome início fim
Alfeu de Melo Valença 02/04/1991 21/08/1991
Ernesto Teixeira Weber 21/08/1991 04/05/1992
Benedicto Fonseca Moreira 04/05/1992 18/11/1992
Joel Mendes Rennó 18/11/1992 08/03/1999
José Coutinho Barbosa 08/03/1999 24/03/1999
Henri Philippe Reichstul 24/03/1999 21/12/2001
Francisco Roberto André Gros 02/01/2002 02/01/2003
José Eduardo Dutra 02/01/2003 22/07/2005
Sergio Gabrielli 22/07/2005 13/02/2012
Graça Foster 13/02/2012 na presidência
Reconhecimento
Graça Foster foi apontada entre as 15 melhores gestoras do Brasil em 2011, de acordo com pesquisa realizada pelo jornal Valor Econômico, em parceria com a empresa de seleção de executivos Egon Zehnder.

No ano de 2010, ela também foi eleita uma das 50 executivas mais influentes do mundo, pelo jornal internacional de negócios Financial Times. No mesmo ano, foi nomeada a diretora executiva mais poderosa da América Latina, pela revista América Economia.

Discurso de posse
Em seu discurso de posse, Graça Foster lembrou que está na Petrobras há mais de 30 anos, disse que sua gestão será de continuidade e afirmou que se sente preparada para assumir o desafio do cargo.

A recordista comentou ainda que vai seguir a risca o plano de negócio da estatal, para cumprir todas as metas previstas, sem descuidar dos aspectos de segurança e ambiental.

Prioridades
Entre as prioridades anunciadas pela presidenta está o avanço na produção no pré-sal, na construção das refinarias e no aumento da participação de produção de etanol. Outra meta é fortalecer as relações com parceiros de vários países, em especial da América Latina e da África.

Agradecimentos
Ao término de seu discurso de posse, Graça Foster agradeceu a Deus e à família, e também ao ex-presidente do Brasil, Luís Inácio Lula da Silva, pelo estímulo e apoio em tantos momentos de sua jornada profissional.


Fontes: Terra, UOL, Wikipédia, G1 e Folha
Redação: Fátima Pires