Primeira mulher oficial general das Forças Armadas Brasileiras

Recordista foi promovida a contra-almirante pela presidente Dilma Rousseff. Cerimônia de troca de patentes aconteceu em 26 de novembro de 2012

28/11/2012
7556 Acessos
Imprimir
Primeira mulher oficial general das Forças Armadas Brasileiras
Carioca agora ocupa o primeiro posto na escala dos almirantes - Imagem: divulgação
A capitã-de-mar-e-guerra Dalva Maria Carvalho Mendes entra para o RankBrasil por se tornar a primeira mulher oficial general das Forças Armadas Brasileiras.

Com 56 anos de idade, a carioca foi promovida a contra-almirante pela presidente Dilma Rousseff e a cerimônia de troca de patentes aconteceu em 26 de novembro de 2012, no Rio de Janeiro.

Trata-se do primeiro posto na escala dos almirantes – que simboliza duas estrelas – e o terceiro mais importante da Marinha. O novo cargo de Dalva corresponde ao de general-de-brigada no Exército e ao de brigadeiro na Aeronáutica.

A recordista já se dedica à Marinha há 31 anos, sempre como médica, em cargos técnicos e administrativos. No ano de 2009, assumiu o posto de capitão-de-mar-e-guerra e atualmente é diretora da Policlínica Naval Nossa Senhora da Glória, no Rio.



Pioneirismo
Entre as Forças Armadas Brasileiras, a Marinha é pioneira na admissão de mulheres. Atualmente há 2.882 oficiais do sexo feminino, o que representa 33% do quadro total de oficiais.

Dalva é da primeira turma do Corpo Feminino de Oficiais. Ela se formou em 1981, aos 25 anos e na época já era médica. No mesmo ano, começou a trabalhar no Hospital Naval Marcílio Dias, também na capital fluminense e em 2007 foi promovida a vice-diretora.


Fontes: Jornal Nacional, Portal Terra e Estadão
Redação: Fátima Pires