Primeiro ponto de terra do Brasil avistado pelos portugueses

Acidente geográfico foi batizado por Pedro Álvares Cabral em 1.500, com o descobrimento do país. Local fica no extremo sul da Bahia

06/10/2012
41234 Acessos
Imprimir
Primeiro ponto de terra do Brasil avistado pelos portugueses
O Monte Pascoal, que entra para o RankBrasil, foi o primeiro ponto de terra do país avistado pelos navegadores portugueses, em 22 de abril de 1.500, com o descobrimento da nação brasileira.

Com 586 metros de altura, o monte está localizado em Itamaraju – BA, que na época pertencia ao município de Prado – BA. O nome de batismo foi ideia de Pedro Álvares Cabral, justamente porque o desembarque dos portugueses no Brasil ocorreu na época da Páscoa.

De um lado do Monte Pascoal é possível visualizar o mar, e do outro, a Serra do Itamaraju. A região era ocupada primeiramente pelos índios Tupinambás, e no século 16, pelos Pataxós, que atualmente são um pouco mais de dois mil na região e sobrevivem da venda de artesanato, da caça e da pesca.

O monte está inserido na área que se transformou, em 29 de novembro de 1961, no Parque Nacional do Monte Pascoal, que possui aproximadamente 22,5 mil hectares. O local abriga um dos últimos remanescentes de Mata Atlântica do país, tendo como vegetação principal a Floreta Tropical Pluvial.

O parque tem um ecossistema bastante diversificado. Na flora, são mais de 10 mil espécies de plantas, predominando árvores de grande porte, como visgueiros, jatobá e jacarandá. A fauna conta com centenas de espécies de mamíferos, aves, anfíbios e répteis, muitos ameaçados de extinção.

Para preservar a região, o parque tem sua gestão feita de forma compartilhada entre o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), a Fundação Nacional do Índio (Funai) e comunidades Pataxós residentes na área, que atuam como guias locais, todos capacitados.

O Parque Nacional fica há aproximadamente 156 quilômetros de Porto Seguro – BA. O acesso é feito pelo km 796 da BR 101, depois são mais 14 km de estrada até a entrada do parque, que é aberto diariamente, das 8h às 16h.


Fontes: Instituto Chico Mendes, Portal Brasil, Wikipédia e Cidades Históricas Brasileiras
Redação: Fátima Pires