Maior produção de cana-de-açúcar da história do Brasil

Com 623,905 milhões de toneladas, recorde foi registrado na safra de 2010/11, consolidando o país como o maior produtor do mundo

06/04/2012
194763 Acessos
Imprimir
Maior produção de cana-de-açúcar da história do Brasil
A Maior produção de cana-de-açúcar da história do Brasil aconteceu na safra entre abril de 2010 a março de 2011, com 623,905 milhões de toneladas, consolidando o país como o maior produtor do mundo.

As informações são da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), empresa pública vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, do governo federal.

De acordo com o levantamento da Conab, apresentado desde a safra de 1970/71, a produção de cana-de-açúcar no país vem crescendo ano após ano, exceto algumas exceções.


Produção da cana-de-açúcar
ano-safra milhões de toneladas
1970/71 79,753
1971/72 79,595
1972/73 95,074
1973/74 91,994
1974/75 95,624
1975/76 91,525
1976/77 103,173
1977/78 120,082
1978/79 129,145
1979/80 138,899
1980/81 148,651
1981/82 153,858
1982/83 166,753
1983/84 197,995
1984/85 202,765
1985/86 224,364
1986/87 227,873
1987/88 224,496
1988/89 221,339
1989/90 223,410
1990/91 222,163
1991/92 228,791
1992/93 223,991
1993/94 216,963
1994/95 240,869
1995/96 249,877
1996/97 289,529
1997/98 302,193
1998/99 315,641
1999/00 310,123
2000/01 254,922
2001/02 292,338
2002/03 316,122
2003/04 357,111
2004/05 381,447
2005/06 394,411
2006/07 429,479
2007/08 501,536
2008/09 571,400
2009/10 604,514
2010/11 623,905

A segunda maior colheita do Brasil aconteceu na safra de 2009/10, com 604,514 milhões de toneladas, a terceira foi a de 2008/09, com 571,400 milhões, seguida da safra de 2007/08, com 501,536 milhões de toneladas.

Entre os aspectos que favoreceram a safra recorde no país e também projetam um constante crescimento na produção, estão o investimento em tecnologia nas usinas de cana-de-açúcar, o cultivo de variedades mais produtivas, o clima favorável e o aumento da área cultivada.

Segundo o gerente de alimentos básicos da Conab, Wellington Silva Teixeira, a cana-de-açúcar é produzida em quase todo o país, com destaque para o Estado de São Paulo, que atualmente detém 53,9% da produção nacional.

Destaque mundial
Introduzida no período colonial, a cana-de-açúcar se transformou em uma das principais culturas da economia brasileira. Além de ser o maior produtor, o Brasil é o primeiro do mundo na produção de açúcar e etanol, a partir da cana, recebendo destaque no uso do biocombustível como alternativa energética.

O país também é o responsável por mais da metade do açúcar comercializado em todo o planeta e as perspectivas do Ministério da Agricultura, divulgadas em seu site oficial, é de que a produção seja ainda mais intensificada.

Em relação ao etanol produzido no Brasil como derivação da cana-de-açúcar, as projeções do Ministério para os próximos anos também são positivas. A produção para 2019 é de 58,8 bilhões de litros, mais que o dobro da registrada em 2008.

Outros produtos
A cana-de-açúcar também é utilizada na fabricação de cachaça, rapadura, melado, vinhaça (alimentação de animais, produção de proteínas, rações), entre outros produtos. O bagaço é aproveitado como combustível para caldeiras, na produção de celulose e alimentação de gado confinado.


Fontes: Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e Wikipédia
Redação: Fátima Pires