Maior jogadora da história do futebol feminino

Bicampeã pan-americana, atacante brasileira foi eleita pela FIFA, por cinco vezes consecutivas, a melhor futebolista do mundo

26/07/2012
25601 Acessos
Imprimir
Maior jogadora da história do futebol feminino
Marta foi eleita melhor do mundo por cinco vezes consecutivas
Marta Vieira da Silva é a maior jogadora da história do futebol feminino. A atacante brasileira foi eleita pela FIFA a melhor do mundo por cinco vezes consecutivas, entre 2006 e 2010, e a segunda melhor nos anos de 2005 e 2011.

Com 26 anos, a atleta é bicampeã pan-americana, com ouro em Santo Domingo, em 2003 e no Rio de Janeiro, em 2007. Também em 2007, ela ajudou o país a conquistar o segundo lugar na Copa do Mundo realizada na China e foi artilheira da competição, com sete gols, ganhando o título de Chuteira de Ouro.

Pela seleção brasileira de futebol, a jogadora foi prata nos Jogos de Atenas, em 2004 e em Pequim, no ano de 2008. Nas Olimpíadas de Londres, o Brasil foi eliminado nas quartas de final, perdendo para o Japão.

Apesar do segundo lugar em Pequim, Marta foi a única atleta do Brasil na lista das 100 maiores promessas da competição, que foi elaborada pela conceituada revista norte-americana Time. Pela equipe do país, a atleta ainda conquistou o Campeonato Sul-Americano Feminino, nos anos de 2003 e 2010.



Clubes
Nos últimos quatro anos, a atacante defendeu diversos clubes no Brasil e exterior. Nos Estados Unidos jogou pelo Los Angeles Sol, FC Gold Pride e Western New York Flash. No Brasil, ela passou duas vezes pelo Santos, ajudando o time a conquistar uma Taça Libertadores, e ainda foi integrante da equipe do Vasco da Gama.

Antes dos Jogos Olímpicos de Pequim, Marta havia atuado por quatro anos no Tyresö FF, na Suécia. Desde o começo de 2012, a jogadora voltou ao clube, atuando em uma das ligas mais organizadas do mundo no futebol feminino.

Carreira
A brasileira nasceu na cidade de Dois Riachos – AL, em 19 de agosto de 1986. Aos 16 anos, a jogadora foi destaque no quarto lugar da seleção brasileira sub-20 no mundial do Canadá. Ao se transferir para o clube Ümea IK da Suécia, fez sucesso na Europa e ganhou reconhecimento em todo mundo.

O gol mais bonito
Em 27 de setembro de 2007, durante a semifinal da Copa do Mundo, contra os Estados Unidos, Marta marcou o gol mais bonito da competição e talvez de toda sua carreira. Para alguns especialistas, o gol também foi o mais bonito marcado durante toda a história do torneio.

Outros títulos
Apelidada carinhosamente de ‘Pelé de Saia’, Marta já conquistou muitos outros títulos no Brasil e em diversos países, entre eles, Bola de Ouro da Copa do Mundo de Futebol Feminino Sub-20, em 2004, e da Copa Libertadores de Futebol Feminino, em 2009.

Nos anos de 2009 e 2010, ela foi a melhor jogadora da Liga de futebol dos EUA. Em 2007 e 2008, obteve o título de melhor atacante do Campeonato Sueco. A atleta ainda foi artilheira do Campeonato Sul-Americano, em 2010, do Sueco, nos anos de 2004, 2005 e 2008 e da Liga dos EUA, entre 2009 e 2011.

Reconhecimento
Por sua brilhante atuação no futebol, a jogadora Marta foi considerada pela Revista Época um dos 100 brasileiros mais influentes do ano de 2009. Em 2007, ela foi a primeira e mulher e única até hoje a entrar para a calçada da fama do Maracanã, que presta homenagem a grandes futebolistas.


Fontes: BBC Brasil, Quadro de Medalhas, Wikipédia
Redação: Fátima Pires