Maior campanha online pela sobrevivência das florestas

Petição contra o novo Códido Florestal, direcionado à presidente Dilma Rousseff, reuniu mais de dois milhões de assinaturas

25/05/2012
3211 Acessos
Imprimir
Maior campanha online pela sobrevivência das florestas
Foto: RankBrasil
A organização Avaaz realizou a maior campanha online pela sobrevivência das florestas brasileiras. Intitulada ‘Veta Dilma: chegou a hora!’, a petição reuniu mais de dois milhões de assinatura.

A mobilização foi contra o novo Código Florestal, projeto de lei aprovado pelo Congresso em 2012, que de acordo com os organizadores da campanha, autorizava os madeireiros e fazendeiros a desmatarem enormes faixas de florestas do país, desde a Amazônia até a Mata Atlântica.

O documento com a petição foi direcionada à Dilma Rousseff, que vetou algumas partes mais polêmicas do código.

Em um dos trechos da petição, a Avaaz fez um apelo para salvar as florestas brasileiras: “O mundo precisa que o Brasil seja um líder internacional em questões ambientais. Uma medida firme por parte do governo brasileiro protegerá o planeta para as futuras gerações”.

Avaaz
A Avaaz, que significa ‘voz’ em várias línguas, é uma rede de ativistas lançada em 2007, com a missão de mobilização social global através da internet. A organização atua em 15 idiomas, com voluntários em todo o planeta. Somente no Brasil são mais de um milhão de membros.

Ativismo virtual
Em seu site oficial, a Avaaz informa como o ativismo virtual funciona: “Conectando cidadãos além das fronteiras em escala e velocidade antes impossíveis, as ferramentas online permitem que muitas ações pequenas se somem para gerar um forte impacto”.

Os membros da organização já conquistaram diversas vitórias, entre elas a manutenção das proibições da caça às baleias e do comércio de marfim, a promulgação de leis florestais e de anticorrupção no Brasil, e a alteração de políticas estatais sobre mudanças climáticas no Japão, Alemanha e Canadá.

Resultado impactante
Em junho de 2009, membros da Avaaz no Brasil fizeram mais de 14 mil ligações e enviaram mais de 30 mil mensagens online em apenas dois dias, ao então presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Conforme a organização, a pressão pública reverteu a lei que daria boa parte da Floresta Amazônica para a exploração de agronegócios.

Código Florestal
De acordo com a organização ambiental SOS Florestas, o Código Florestal existe desde 1934, impondo limites ao desmatamento e à ocupação de áreas de risco. O projeto de lei do novo Código Florestal liberava a ocupação dessas áreas, gerando mais desmatamento e podendo aumentar em 13 vezes a emissão de gases do efeito estufa.

Outras campanhas
Além da campanha da Avaaz, outras organizações em prol do meio ambiente também realizaram campanhas contra o novo Código Florestal, entre elas, o Greenpeace, com a proposta ‘Desmatamento zero’, e a WWF-Brasil, com diversas formas de manifestação.


Fontes: Avaaz
Redação: Fátima Pires